Sai da Aula e acabei dando o cu na casa abandonada

Fala galera vim contar uma experiência do mês passado, para contexto sou bem branco 21 anos 1.73m corpo comum (malhando) não sou afeminado nem assumido sou bom de garganta profunda adoro uma pica atravessando minha garganta, tenho umas tattos e uma cucetinha rosa.

Faz uns dias estava conversando com um carinha que conheci no bate papo do UOL com um cara que usava o Nick: BemDotado.

Pois bem, eu estudo e trabalho no centro de Taboão da Serra e esse Bem dotado que vou chamar de Jonas é lá da vila Sônia, e estávamos na dificuldade justamente de arrumar um horário que desse certo pros dois, já que só eu tinha local.

Dês do começo da conversa Jonas me deixou doido, dizia como queria machucar meu cu e como gostava de putinhas obedientes, os dias serviram pra gente criar intimidade e eu aceitar deixar ele leitar meu rabo quando me pegasse.

Notei que Jonas sempre me bloqueava e desbloqueava no whatsapp e logo deduzi que devia ser comprometido, um dia a noite eu estava assistindo aula quando ele me mandou mensagem perguntando oq eu estava fazendo, eu louco pra levar rola respondi: nada.

Ele com ar de autoridade me mandou um endereço e mandou esperar ele lá na frente, como boa putinha chamei um Uber e fui correndo pro local que era próximo até.

Chegando lá percebi se tratar de uma casa descuidada, ele logo apareceu, foi a primeira vez que o vi pessoalmente, era bem mais alto que eu, tatuado gostoso com cara de mal, usava uma grande aliança no dedo e não devia ter mais de 30 e poucos anos.

Eu segui para dentro da casa, passando por um corredor da “garagem” cheguei ao fundo onde havia um quintal com uma caixa d’água, céu aberto e várias tranqueiras envolta.

Jonas havia trazido uma espécie de colchonete e lençol que já estava no chão.

Eu com fome de pica já ia ajoelhando quando ele mandou tirar toda roupa e mamar ele pelado.

Ele ficou em pé, colocou aquela pica de 22cm grossos nos meus lábios e empurrou pra dentro, ele estava me pedindo silêncio mas na primeira vez que aquele mastro atravessou minha garganta e se afundou no meu esôfago ele alto, ele segurou minha cabeça pelos meus cabelos com as duas mãos e ritimou as estocadas na minha guela, eu não engasgava era especialista em aguentar pica na garganta, olhava pra cima com os olhos lacrimejando, a cena era uma púbis peluda batendo contra meu nariz, as mãos fortes e com aliança me apertando, um peitoral tatuado e aquele macho olhando pro céu e delirando enquanto aquela carne grossa e dura penetrava minha garganta.

Depois de chegar perto do orgasmo várias vezes, Jonas tirou seu pau da minha boca, formando um grosso de saliva no ar e me mandou: fica de quatro deixa eu ver esse rabo.

Ele ficou uns segundos olhando e se punhetando até largar uma saliva grossa de macho arrombador no meu rabo, espalhar com 3 dedos me fazendo delirar com aqueles.dedos ásperos e grossos cutucando meu cuzinho.

Jonas encostou a cabeça do seu pau na direção errada, estava meu escuro, e começou a forçar empurrando a pica contra meu rabo mas não exatamente meu cuzinho, ia avisar, quando a pica escorregou e me penetrou de uma vez, estourando todos das minhas, senti como uma facada no meu esfíncter, e aquela cabeçona avançou como um murro na minha próstata, mordi forte os destes, não havia travesseiro pra morder, cerrei os punhos e gruni como animal agonizando, Jonas ao contrário do mesmo ritimo que me atravessou continuava, estocando forte no meu cu, me derrubou até ficar completamente de bruços, posição em que ele conseguia meter até o talo, bater suas bolas no meu saco, e agasalhar todo aquele caralho colossal, Jonas colocou as duas mãos sobre as minhas costas, estava se fodendo se estava doendo em mim ou não, me prendeu embaixo dele estocou até anunciar: eu gozaaar, eu vou leitar seu cu, aah aah, aaaah.

Assim senti aquele cacete latejando, expulsando todo sem do seu interior, me inseminando e me preenchendo com a sua gala, meu cu também latejava, esfolado por aquele macho que ficou em cima de mim retomando forças para levantar.

Quando consegui levantar Jonas foi muito gente boa, ficou comigo esperando meu Uber chegar e fui pra casa feliz, fiquei uns 3 dias com o cu doendo mas feliz como um bom passivo realizado.

Conto enviado por: Garganta Profunda (Obrigado)

Gostou do conto? Deixe-nos saber com um comentário.
E se quiser nos enviar o seu conto faça por aqui: Enviar Conto.
Entre no nosso grupo e siga-nos nas nossas redes sociais clicando aqui: Redes Sociais.

Deixe um Comentário. (Proibido divulgar Whatsapp ou emails)

Seu endereço de e-mail nao será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

Contos Eróticos - Contos reais, Contos Hetero, Contos Gay, Contos Traição, Contos Incestos, Contos Fetiches, Contos Sexo anal

error: Conteúdo esta protegido !!